sábado, julho 17, 2010

Entendendo.

711c3da2b70916df989c4c70ee61bfff_large Eu finalmente consigo entender onde foi que tudo deu errado. Eu apostei em você  como uma última chance de fazer dar certo, sem as loucuras, o ciúme e a insegurança que a paixão traz. E teria sido tão perfeito e divertido e lindo por todo o tempo que durasse se eu não tivesse cometido um pequeno erro. Eu me apaixonei. E  com isso veio a loucura, o ciúme e a insegurança. E surtei, porque eu sempre surto quando fico com medo. E aí eu estraguei tudo. Eu te soterrei com minhas cobranças, com o meu ciúme e com toda a minha loucura e tu não aguentou. Ninguém aguentaria. Eu acabei com tudo que tu podia vir a sentir por mim um dia por medo que tu nunca sentisse. Faz algum sentido? Provavelmente não. Mas quem se importa em fazer sentido quando eu sinto tua falta a cada segundo. Sinto falta do teu beijo, do teu abraço, das nossas conversar que eram tão nossas e da paz que tu me fazia sentir. Eu sinto falta de esquecer do mundo e me perder no teu abraço. Eu sinto falta até do que eu sonhei pra nós mas nunca aconteceu. Porque tu tinha que ser a minha última tentativa. Eu ia apostar todas as fichas em ti, porque tu era tudo que eu precisava. E eu ainda preciso. Preciso do teu jeito meio bobo e do teu sorriso e do teu abraço e das nossas brincadeiras e das nossas vontades e de tudo que tu me faz sentir. Eu preciso sentar aqui na frente da sacada e te esperar sabendo que tu vai vir e vai fazer o mundo parar. Será que tu consegue entender? Eu só queria que tu me desse uma chance de tentar. E que tu me desse uma certeza, por menor que fosse, pra eu não me apavorar enquanto as coisas se ajeitam. Mas tu não pode, né? Porque eu já estraguei tudo. De novo. Eu entendo isso e eu só queria que entender fizesse doer menos. Mas não faz.

“And I don’t want the world to see me, cause I don’t think that they’d understand. When everything is made to be broken I just want you to know who I am.”

Iris – Goo Goo Dolls ♪

9 comentários:

  1. Nem sempre eu tenho tempo para estar por aqui...
    Mas, quando tenho... ADORO ler teus post!
    Me identifico demais contigo Amiga!
    Tem dias que você escreve TUDINHO o que eu gostaria de falar...
    E esse foi mais um dia... Não escrevo muito em meu blog para não deixar transparecer tanto o que estou sentindo.. Para não dar o braço a torcer...
    E aí caio aqui e leio tudo o que preciso...
    Não há nem o que explicar...
    Obrigada... E Parabéns amiga!
    Adoro você!

    ResponderExcluir
  2. Lindo o seu texto!
    Fantástico! Embora fale de um momento tão doloroso.

    ResponderExcluir
  3. Que lindo :)
    AAAH, eu já fiquei assim.Totalmente apaixonada e insegura, e ciumenta.ARGH,é horrível.Mas é com os erros que aprendemos!



    Beeijos ( seu blog é liiindo *_* ).

    ResponderExcluir
  4. Às vezes nos apaixonamos tanto por alguém que acabamos fazendo alguma besteira para não perdermos aquela pessoa, realmente a insegurança vem e o pior, é que quando tentamos fazer algo para não perder nosso amor, acabamos perdendo e sofrendo muito. Muito lindo o post :)

    ResponderExcluir
  5. Lindo...
    com a paixão, vem todas as outras atitudes loucas sem as quais eu não viveria!

    adorei
    =*

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. adoreei.. tbm me sinto assim. Gostei disso: Eu entendo isso e eu só queria que entender fizesse doer menos. <- coomo que queria :/

    ResponderExcluir
  8. Infelizmente não faz doer menos, né?
    Belo texto!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. eu SOU assim? rs -n adorei seu texto.

    ResponderExcluir

- Se não leu o texto não comente só para eu comentar no seu blog, não me dou ao trabalho de responder esse tipo de comentário.
- Faça comentários relacionados ao texto, se quiser falar sobre outro assunto existem várias outras formas de entrar em contato comigo.
- Se quiser deixar o link do seu blog comente com Open ID, meu blog não é uma página de propagandas.
- Não peça para eu seguir seu blog, twitter, etc. Se eu achar interessante seguirei por conta própria.
- E se usar um texto meu me avise e dê os créditos. Plágio é crime!

Enfim, não gostaria de ser chata impondo regras aos comentários, mas algumas pessoas exageram.
Espero compreendam e que tenham gostado do blog.
Voltem e comentem sempre. ;)
Beijo :*