segunda-feira, julho 05, 2010

Adeus.

 tumblr_l0og0ryE0J1qbu9cko1_500_large Peguei a caneta, encarei o papel em branco e escrevi tudo que eu sentia. Coloquei pra fora ali naquelas linhas como eu estava por dentro depois de ter me decepcionado com alguém que despertou em mim sentimentos que eu nem sabia que existiam. Escrevi tudo enquanto as lágrimas rolavam pelo meu rosto, lembrando todos os momentos, todas as promessas, todo o amos que tínhamos. Ou que eu tinha, já não sei dizer. Foi difícil dividir tudo isso, mesmo que fosse só com aquela folha, mas quando acabei me senti leve como se todo o peso daquela decepções tivesse ficado ali naquelas poucas palavras mal escritas. Pensei em jogar fora aquele papel, mas quem joga sentimentos no lixo aqui é você, então eu o guardei. E hoje resolvi enviá-lo pra você, pra que talvez você entenda como me senti e veja que você é um grande idiota por não ter me dado valor e aprenda que nunca deve dizer ‘eu te amo’ se isso não for verdadeiro. E com essa última carta eu encerro pra sempre a nossa relação. Agora que eu finalmente posso dizer que não te amo mais. Adeus.

Um comentário:

  1. Texto Ótiiiimooo!
    Mostra uma parte da vida que poucas pessoas descrevem, que é quando a gente se dá por cansado de amar alguém que não merece, corresponde.

    ResponderExcluir

- Se não leu o texto não comente só para eu comentar no seu blog, não me dou ao trabalho de responder esse tipo de comentário.
- Faça comentários relacionados ao texto, se quiser falar sobre outro assunto existem várias outras formas de entrar em contato comigo.
- Se quiser deixar o link do seu blog comente com Open ID, meu blog não é uma página de propagandas.
- Não peça para eu seguir seu blog, twitter, etc. Se eu achar interessante seguirei por conta própria.
- E se usar um texto meu me avise e dê os créditos. Plágio é crime!

Enfim, não gostaria de ser chata impondo regras aos comentários, mas algumas pessoas exageram.
Espero compreendam e que tenham gostado do blog.
Voltem e comentem sempre. ;)
Beijo :*