sexta-feira, abril 30, 2010

O encontro.

   Juliana estava saindo da sua aula preferida, seus pensamentos voavam longe, pensando em como deviam ter sido incríveis aqueles momentos da Revolução Francesa que ela havia estudado naquela aula. De repente algo a tirou de seus devaneios, um garoto com uma câmera pendurada no pescoço a observava. Ela achou estranho, até seus olhares se encontrarem. Ali estavam os olhos com que ela sonhava há tempos.
   Henrique mal podia acreditar no que via. A garota que ocupava seus pensamentos desde a primeira vez que se viram estava ali, bem próxima a ele e dessa vez não teria como sair sem que conversassem. Ele andou até ela e seu coração quase parou quando ela abriu 7um sorriso radiante e veio ao seu encontro. Eles conversaram a tarde toda e parecia que se conheciam havia séculos. Ele contou sobre os problemas com o pai e falou sobre como desejava ser livre como ela e escolher seu próprio futuro. Falou sobre como sonhava em ser fotógrafo e viajar por aí com a câmera e uma mochila nas costas, registrando cada rosto, momento e paisagem que encontrasse pelo caminho. Juliana lhe contou que queria conhecer os lugares que estudava nas aulas de história para poder se sentir parte daqueles momentos que a fascinavam tanto. Logo Henrique concluiu que poderiam viajar juntos e Juliana adorou a ideia. Os dois estavam encantados e sentiam como se tivessem esperado um pelo outro a vida toda. A partir daquele momento algo mudou drasticamente dentro deles e ambos perceberam que nunca mais estariam completos se não estivessem juntos.


Parte I   Parte II

"O problema com contos de fadas é que eles levam uma garota ao desapontamento. Na vida real, o príncipe foge com a princesa errada... Ou o feitiço acaba e os dois amantes se dão conta de que são melhores com o que quer que sejam. Mas vou confessar de vez em quando uma garota consegue seu final de contos de fada." 2x08 GG

Um comentário:

  1. tem um selo pra você lá no meu blog.
    http://madeinparadisehere.blogspot.com/2010/03/obrigada.html

    ResponderExcluir

- Se não leu o texto não comente só para eu comentar no seu blog, não me dou ao trabalho de responder esse tipo de comentário.
- Faça comentários relacionados ao texto, se quiser falar sobre outro assunto existem várias outras formas de entrar em contato comigo.
- Se quiser deixar o link do seu blog comente com Open ID, meu blog não é uma página de propagandas.
- Não peça para eu seguir seu blog, twitter, etc. Se eu achar interessante seguirei por conta própria.
- E se usar um texto meu me avise e dê os créditos. Plágio é crime!

Enfim, não gostaria de ser chata impondo regras aos comentários, mas algumas pessoas exageram.
Espero compreendam e que tenham gostado do blog.
Voltem e comentem sempre. ;)
Beijo :*