quarta-feira, dezembro 23, 2009

Tudo que faltava botar pra fora.

Eu acho que falei demais no momento errado. Talvez essa não fosse a melhor hora pra me declarar apaixonada por ti. Talvez não fosse a hora de me apaixonar. Mas tu sabes tanto quanto eu que isso não é uma coisa que possa ser controlada. O teu jeito assim meio besta e totalmente diferente de todos os outros que eu já conheci me encantou de uma forma que eu não esperava. O carinho e a atenção que tu dedica a mim na maioria das vezes chega a me deixar meio boba. Pensando bem, seria impossível não me apaixonar. Só é uma pena que na minha vida gostar de alguém esteja fortemente ligado a sofrer. Ainda bem que a tristeza, a carência, o medo e tudo mais que me enlouquece na tua ausência some quando tu me olha com essa carinha de bobo que eu adoro e me abraça bem forte do jeito que só tu sabe. Eu sei que as coisas estão bem complicadas e que o futuro é algo muito incerto pra eu projetar alguma coisa. Mas bem, eu acho que tenho o direito de manifestar o meu desejo de ficar contigo. Eu nunca gostei de brigas fáceis mesmo e a partir do momento em que eu assumi pra mim mesma que é tu que eu quero essa se tornou uma briga que eu não pretendo perder. Porque eu acho que eu posso te fazer feliz da mesma forma que eu sei que tu pode me fazer também. Eu não estou pedindo uma chance, apenas anunciando que lutarei e farei por merecer a oportunidade de tentar. Eu posso quebrar a cara de uma forma nunca vista antes, eu sei disso. E provavelmente seria mais fácil manter a decisão de me afastar e quem sabe bater bem forte com a cabeça pra esquecer. Mas segunda quando eu decidi que acabaria aqui eu pude ver o quanto é bom estar contigo, então acredito que vale a pena o risco de dar tudo errado. A partir de hoje ligo o FODA-SE pra tudo que diz que eu não posso te ter. Eu quero e ponto. Não importa o quão difícil será, nem por quanto tempo as lágrimas continuarão caindo, nem se eu vou me machucar. A única coisa que importa agora é a minha vontade de te ver de novo e te abraçar bem apertado. O resto se resolve com o tempo. Então que se esqueça tudo que eu disse sobre acabar. Não acabou nada. Nós estamos apenas começando e no que depender de mim o nosso fim está num lugar bem distante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Se não leu o texto não comente só para eu comentar no seu blog, não me dou ao trabalho de responder esse tipo de comentário.
- Faça comentários relacionados ao texto, se quiser falar sobre outro assunto existem várias outras formas de entrar em contato comigo.
- Se quiser deixar o link do seu blog comente com Open ID, meu blog não é uma página de propagandas.
- Não peça para eu seguir seu blog, twitter, etc. Se eu achar interessante seguirei por conta própria.
- E se usar um texto meu me avise e dê os créditos. Plágio é crime!

Enfim, não gostaria de ser chata impondo regras aos comentários, mas algumas pessoas exageram.
Espero compreendam e que tenham gostado do blog.
Voltem e comentem sempre. ;)
Beijo :*