quinta-feira, novembro 12, 2009

Na decepção uma inspiração pra mudar a vida.

É engraçada a maneira como a gente sempre continua tentando, com a ideia, errada, de que tudo será diferente. Seria mais fácil, menos triste e bem mais inteligente simplesmente largar tudo de mão. Desistir dessa baboseira toda de sentimentos, porque no fim das contas nada vale a pena realmente. O amor verdadeiro, se é que ele existe, é bem diferente de tudo que se vê por aí. É difícil vê-lo nascer e muito raro vê-lo durar. Enganam-se aqueles que acreditam na felicidade eterna (não, isso não é uma praga, apenas uma constatação), pois ela nunca virá. Assim como o amor dificilmente será eterno. E por dificilmente eu quero dizer bem difícil mesmo, tipo um em um trilhão. Podem haver diversas paixões, empolgações ou o que você quiser chamar, mas amor mesmo, de verdade  eu nunca vi. E que não venham encher meu saco aqueles iludidos que acreditam que a vida é um conto de fadas. Eu já acreditei nessas tolices infantis, mas hoje só acredito naquilo que vejo ou vivo. E por tudo que já vi e vivi posso afirmar com absoluta certeza que quase tudo no mundo é ilusão. O que não chega a ser ruim, porque verdade demais incomoda e faz sofrer. A ilusão alenta e faz com que possamos dormir tranquilos, às vezes. Eu espero pelo dia em que eu possa viver num mundo onde não exista verdade real, apenas a minha verdade. Onde tudo que eu pensar e desejar será verdade absoluta até que eu mude de ideia. Essa é hoje a minha maior utopia. Obviamente, é algo que eu não consigo ver como realidade nem nos meus maiores delírios, mas não deixa de ser um objetivo de vida interessante. Além do mais, é infinitamente melhor que se iludir esperando um grande amor. Pelos menos essa ilusão pode ser causada por uma bebida bem forte, intercalada com alguns momentos de diversão com “amigos” ocasionais. Sendo assim, essa se torna oficialmente minha meta de vida daqui pra frente. NINGUÉM será nada além de uma distração, nos meus breves períodos sóbria. Provavelmente eu não serei mais feliz com isso, mas os momentos de tristeza serão menores, o que é um grande ganho. Acho que acabo de me presentear com uma vida mais tranquila. Definitivamente a decepção é muito inspiradora.

Um comentário:

  1. É comprovado Cientificamente que o "amor" é uma substancia liberada pelo cérebro que dura aproximadamente 7 anos.. às vezes +, as vezes -.. Mas não se deixe enganar.. viva a tua vida intensamente, pois o futuro ninguém sabe..
    E que bom que te presenteou com uma vida mais tranquila.. só tenho a dizer-te, que aproveite-a.. pois vida, só temos uma, e passar se encomodando, não vale a pena..

    Um beijo
    João.

    ResponderExcluir

- Se não leu o texto não comente só para eu comentar no seu blog, não me dou ao trabalho de responder esse tipo de comentário.
- Faça comentários relacionados ao texto, se quiser falar sobre outro assunto existem várias outras formas de entrar em contato comigo.
- Se quiser deixar o link do seu blog comente com Open ID, meu blog não é uma página de propagandas.
- Não peça para eu seguir seu blog, twitter, etc. Se eu achar interessante seguirei por conta própria.
- E se usar um texto meu me avise e dê os créditos. Plágio é crime!

Enfim, não gostaria de ser chata impondo regras aos comentários, mas algumas pessoas exageram.
Espero compreendam e que tenham gostado do blog.
Voltem e comentem sempre. ;)
Beijo :*